Envie uma mensagem
  1. Home
  2. Post

Turismo na Turquia - Capadócia: Principais Atrações Turísticas

Destinos

Turismo na Turquia - Capadócia: Principais Atrações Turísticas

Quando se fala em Capadócia, a primeira coisa que vem à cabeça provavelmente é o famoso passeio de balão. Mas há muitas outras coisas interessantes para se conhecer por lá, como igrejas em cavernas, cidades subterrâneas, vales e as exóticas chaminés-de-fadas. Veja neste post algumas das principais atrações turísticas da região.

Para circular pela Capadócia, as melhores formas são através de pacotes de agências de turismo locais ou contratando algum guia particular. Eu optei pela segunda opção, como relatei no post “Dica de guia turco que fala português na Capadócia“. Todas as fotos deste post foram tiradas num único dia, muito bem aproveitado. A única exceção é o museu à céu aberto, que visitamos por conta própria no dia seguinte. 


Museu à Céu Aberto de Goreme

Em inglês: Goreme Open Air Museum. Em turco: Göreme Aç?khava Müzesi.

Este museu é uma das principais atrações turísticas da Capadócia e é considerado um Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO. Ele possui um grande conjunto de igrejas construídas em cavernas pelos cristãos entre os séculos X e XIII. Elas são famosas pelos afrescos pintados nas paredes, muitos deles em bom estado de conservação.

O museu está a pouco mais de  1 km do centrinho de Goreme, numa caminhada de aprox. 20 minutos, cujo trajeto proporciona ótimas fotos da paisagem da região. Ele funciona diariamente das 8h às 17h e o ingresso custa 15 liras turcas (aprox. R$ 18,00). Este valor não inclui a entrada à Igreja Escura, que está no interior do museu. Para visita-la é preciso pagar uma taxa extra de 8 TL (R$10,00). Esta igreja é a mais bonita de todas, pequena porém cheia de pinturas no teto e nas paredes. Infelizmente não é possível tirar fotos no seu interior. É possível fazer o passeio pelo museu com um áudio-guia, pagando uma taxa extra. Na saída vale a pena visitar a lojinha do museu, que possui vários itens interessantes e com bons preços.


Cidade subterrânea de Kaymakli

Em inglês: Kaymakli Underground City

A região da Capadócia possui dezenas de cidades subterrâneas, muitas delas interligadas por túneis. A maior delas é a de Kaymakli, que foi a que eu visitei. Ela possui oito andares abaixo do solo, porém a visitação só é pertimida nos quatro primeiros níveis.

As cidades subterrâneas foram construídas principalmente para proteger os cristãos da invasão de inimigos. Eles chegavam a ficar semanas trancados dentro delas. Nesta de Kaymakli estima-se que seis mil pessoas chegaram a conviver ao mesmo tempo. Há uma divisão bem clara dos ambientes, com dormitórios, cozinhas, depósito para alimentos, igrejas, portas secretas, túneis de ligação e poço profundo que servia como sistema de ventilação. Até animais eram levados para dentro das cidades subterrâneas!

Não é um passeio muito fácil de fazer, quem sofre de claustrofobia pode ficar agoniado e quem tem dificuldade de locomoção não vai conseguir se deslocar entre os ambientes, já que há várias passagens estreitas e apertadas, onde é preciso andar agachado. É preciso ter um pouco de sorte para encontrar a cidade com poucos turistas, pois se muito grupos estiverem lá, a visita vai ficar bem mais demorada, já que os ambientes são pequenos e estarão sempre ocupados. Para visita-la é preciso pagar uma taxa, em torno de 20 liras turcas (R$24,00).


Cidade Subterrânea de Derinkuyu

Em inglês: Derinkuyu Underground City

Esta é outra cidade que pode ser visitada. É a mais profunda delas, com 16 andares e 85 metros abaixo do solo. Não a visitei, pois meu guia achou mais interessante nos levar à cidade que de Kaymakli. Visitar as duas cidades pode ser repetitivo, pois elas são similares.


Vale dos Pássaros

Em inglês: Pigeon Valley

O vale tem este nome por causa de várias casas de pássaros que foram esculpidas nas cavernas. Os pássaros antigamente eram muito importantes para os cristãos, porque eles forneciam os pigmentos para pintar afrescos e cerâmicas, por isso foram feitas tantas casas nas rochas para protegê-lo.

No vale dos pássaros é possível encontrar uma árvore repleta de olhos turcos. Há árvores similares em outros locais turíscos, porém esta é a mais bonita e enfeitada. A surperstição diz que o olho turco (também conhecido por olho grego) ajuda a espantar o mau olhado. É impossível um turista voltar de uma viagem à Capadócia sem trazer junto um olho turco, nem que seja num chaveirinho. Ele está presente em todos os lugares e há dezenas de tipos diferentes de souvenirs com este olho.


Uçhisar

É um vilarejo próximo ao vale dos pássaros e à cidade de Goreme, que possui uma montanha mais elevada chamada de Castleo de Uçhisar, de onde é possível ter uma bela vista panorâmica da região. Este vilarejo é uma das opções de hospedagem para quem visita a Capadócia.


As Três Belas

Em inglês: The three beauties.

Um mirante onde estão localizadas as três chaminés-de-fadas mais famosas da Capadócia, chamadas de “As Três Belas”. Ao fundo é possível avistar o monte Erciyes, um vulcão adormecido cujas erupções, há milhões de anos, foram responsáveis pelas formações rochosas peculiares da região da Capadócia.

Goreme

A pequena e pacata cidade de Goreme é um símbolo da Capadócia. Foi lá que eu fiquei hospedado e eu a recomendo a qualquer pessoa que está planejando visitar a região. Mas quem decidir ficar em outra cidade próxima deve pelo menos reservar um tempo para conhecê-la. Em pouco tempo é possível fazer uma caminhada pelo centrinho de Goreme, comer em algum restaurante típico e admirar as dezenas de construções nas cavernas do vale.


Esse são apenas alguns de tantos pontos turísticos incríveis.

Fonte: meusroteirosdeviagem.com